Rugby Mania

Niger Morie

Rugby Infantil - Crescendo com o Rugby. É Profissional de Educação Física, formado pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Atua como Professor da Rede Estadual do Rio de Janeiro. É Dirigente e Preparador Físico do Primeiro Clube de Rugby da Baixada Fluminense, o Maxambomba Rugby Clube. niger@rugbymania.com.br

Twitter Niger Morie

Rúgbi e Educação Física na construção do esporte adaptado

maio 11, 2012 às 01:05h
NacionaisNotícias
Tags: , ,

Não é de hoje que a Educação Física Adaptada participa do processo de inclusão de portadores de necessidades em práticas esportivas das mais diversas no Brasil. Desde 1958, com a fundação dos dois primeiros clubes de esportes em cadeiras de roda, o CPSP (Clube dos Paraplégicos de São Paulo) e o Clube Otimismo no Rio de Janeiro.

Entretanto hoje, a questão se apresenta de uma forma mais ampla. A prática do esporte adaptado no ambiente escolar. Antes praticado em espaços restritos, hoje praticado nas escolas regulares o esporte adaptado tem permitido novas possibilidades aos alunos com deficiência. Mas arriscaria a dizer que as possibilidades criadas aos alunos sem nenhuma necessidade específica é ainda maior.  Não pensando a turma como 30 + 1 (1 deficiente.. 1 PNE), e sim 31… Afinal de conta todas as pessoas são diferentes, devemos pensar nas potencialidades.

Crianças com deficiência na Andef: mais felizes e integradas por conta do esporte (Foto: Divulgação)

 

Estou escrevendo sobre este assunto após ler a matéria: “Educação física contribui para inclusão de alunos com deficiência “,  do Globo Educação, de 05 de maio de 2012.

E o que essa matéria tem a ver com nosso Rugby??? Tudo, reproduzo abaixo o trecho ligado ao rugby.

“Os alunos com deficiência da escola Paulo Freire ganharam este ano um reforço extra na área esportiva. A instituição recebeu dez cadeiras de rodas adaptadas para a prática de rúgbi (esporte que se assemelha com o futebol americano) especialmente desenvolvidas pelo Instituto Nacional de Tecnologia (INT). O projeto foi pensado por uma equipe de analistas do instituto, entre eles Gustavo Menezes, atleta do esporte há 20 anos. “Pensamos em levar o esporte – tanto o tradicional quanto o quad-rúgbi, desenvolvido para pessoas com deficiência – para as escolas. A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (Faperj) financiou o projeto e começamos a desenvolver os equipamentos e a treinar os professores. Os resultados são surpreendentes e gratificantes. Já vimos crianças com paralisia cerebral e surdos-mudos interessados em ver como a cadeira funciona, interagindo de forma nova”, conta Menezes.  “ *

Gustavo Menezes, com a bola: atleta de rúgbi e analista do Instituto Nacional de Tecnologia (Foto: Divulgação)

Gustavo Menezes, com a bola: atleta de rúgbi e analista do Instituto Nacional de Tecnologia (Foto: Divulgação)

E antes que algum desavisado resolva me bater, é  o Futebol Americano que se assemelha ao Rugby, não é??? Mas não podemos, fingir que a mídia leva a população a entender que nosso esporte se assemelha ao FA. Polêmicas e brincadeiras a parte, aos que se interessaram pela matéria segue o link.

Link da matéria completa

Link do vídeo: Qual o papel do Professor de Educação Física na Escola???

* Trecho retirado de : http://redeglobo.globo.com/globoeducacao/noticia/2012/05/educacao-fisica-contribui-para-inclusao-de-alunos-com-deficiencia.html

 

Compartilhe
Facebook Twitter Email Delicious

Comente

*
*

Cadastre-se em nossa newsletter E-mail